Violator em São Paulo – única apresentação

 VIOLATOR

O maior nome do Thrash Metal mundial em única apresentação pelo estado de São Paulo até sabe-se lá quando. Há mais de uma década em atividade intermitente, o Violator ganhou notoriedade não somente por conta da sua sonoridade animalesca regada a uma tempestade ácida de riffs, mas também por suas apresentações catárticas e postura combativa, tanto em suas composições como em suas performances ao vivo. Com o decorrer dos anos a temática da banda deixou de ser somente a nostalgia oitentista adorada pelos revivalistas do Thrash Metal e passou a abranger questões mais atuais que uma possível explosão de ogiva nuclear, como o massacre do povo indígena, a desapropriação violenta de ocupações promovida pelo Estado, dentre outras arbitrariedades cometidas cotidianamente contra a população desprivilegiada. O Violator está aí pra quem é viciado em mosh, mas não deixa a consciência social de lado.

CEMITÉRIO

Se você pensa que o Death Metal brasileiro se resume àquele estilo brutal repleto de triggers, o Cemitério vem para mostrar que felizmente você está enganado. Remetendo a bandas como Pestilence e Massacre, o Death Metal aqui é quase desprovido de blast beats. Além disso todas as composições da banda são cantadas em português e remetem a filmes de terror, gênero cinematográfico aclamado pela metaleirada. Na ocasião o Cemitério estará lançando Oãxiac Odèz, um disco conceitual que homenageia o mestre do terror brasileiro, José Mojica Marins.

D.E.R.

Com o lançamento de um EP 7″ nos Estados Unidos iminente pelo selo Never Altar, O D.E.R mostra que embora o jovem no Brasil nunca seja levado a sério, o grindcore por aqui é severo! Descomunalmente rápido e oscilando entre riffs death metal e passagens punks, o Desordem e Regresso mantém o espírito do grind politizado e primitivo deixado como legado pelo Napalm Death ainda em seus primeiros discos.

DAMN YOUTH

Diretamente do Ceará, trazendo a selvageria do Thrash Metal aliada ao espírito transgressor do Skate Punk, o Damn Youth faz um rock Veloz e agressivo pra nenhum fã de bandas como Attitude Adjustment, Excel e Gang Green botar defeito. Crossover is not a crime.

ARMADILHA

Heavy Metal feito por quem e para quem vive na realidade pós apocalíptica que usualmente chamamos de contemporaneidade. Para os defensores da fé professada na igreja do padre Judas e amantes da estética forjada ferro e fogo na cúpula do trovão. Armadilha é feito do mesmo aço encontrado na composição de bandas como Harpia e Azul Limão.

——

Serviço:

Data: 21 de janeiro (Sábado)
Horário: 16h00

Local: Clash Club – Rua Barra Funda, 969, São Paulo – Próximo ao metro Barra Funda

Ingressos:
R$ 30 – Antecipado / Primeiro Lote meia/promocional mediante a doação de um quilo de alimento nào perecível)
R$ 40 – Antecipado / Segundo Lote (meia/promocional mediante a doação de um quilo de alimento nào perecível)
R$ 50 – Porta meia/promocional mediante a doação de um quilo de alimento nào perecível)

Local de Venda:
Loja255 (Galeria do Rock) sem taxa para o pagamento em dinheiro

Vendas Online: Clube do Ingresso 

Evento Facebook