Viper @ Sesc Belenzinho – São Paulo/SP (08/09/2018)

Uma das bandas mais renomadas do heavy metal brasileiro, VIPER, realizou um show especial no Sesc Belenzinho em São Paulo. Apresentação que fazia parte do relançamento do clássico EP “Vipera Sapiens”, lançado em 1993 e só agora lançado no Brasil. Atualmente, formado por Pit Passarell (baixo), Felipe Machado (guitarra), Guilherme Martin (bateria), Hugo Mariutti (guitarra) e Leandro Caçoilo (vocal), a banda realizou um grande repertório, executando não só as faixas do Vipera, como também, focaram nos três primeiros álbuns de estúdio: “Soldiers of Sunrise” (1987), “Theatre of Fate” (1989) e “Evolution” (1992). Clássicos indiscutíveis do metal nacional.

Um bom público na comedoria do Sesc e quando deu o horário, hino nacional brasileiro é tocado de fundo e logo, em poucos minutos, a banda sobe ao palco, se posicionam em seus lugares e com muitas vibrações do público, iniciam o espetáculo com “Coming From the Inside”, do clássico disco, “Evolution” de 1992. Já se notava os vocais poderosos do Leandro, os maravilhosos riffs e solos de guitarra, a bateria bastante presente com fortes baquetadas e vale destacar a intro da música onde o maior destaque foi justamente as ótimas cadenciadas da bateria. Partindo para o elogiadíssimo “Theatre of Fate” de 1989, vieram duas faixas dele: a rápida e empolgada “To Live Again”, e com um lindo dedilhado na guitarra em sua introdução e caindo para um ritmo mais intenso, veio “A Cry From the Edge”. Voltando para o “Evolution”, “Dead Light” deu sequência.

Agora, indo para o primeiro disco da banda, “Soldiers of Sunrise” de 1987, “Knights of Destruction” foi tocada. As performances de cada integrante, é de se impressionar, muito talentosos e realizando ótimos trabalhos na noite. O Leandro com seus excelentes vocais, o Felipe e o Hugo mandando muito bem nos riffs e nos grandes solos, o Pit com seu jeito maluco, cômico e cativante e o batera Guilherme com sua grande técnica. Como o show faz parte do relançamento do EP “Vipera Sapiens”, executaram duas faixas dele: a excelente “Acid Heart”, música que abre o EP e “Crime”. E para executar essas faixas, a banda chamou um convidado especial para participar desse show e dar continuidade, o baixista Rob Gutierrez, da banda solo do Felipe.

Uma belíssima introdução na bateria e a guitarra com seus grandes riffs acelerados, “Nightmares”, outra do primeiro disco, foi executada. Vale destacar, o refrão da música, que se formou um grande coro do público, simplesmente incrível. Logo, executaram o cover da clássica banda Queen, com o clássico dos clássicos “We Will Rock You”, porém, com uma certa adaptação na música, deixando ela mais rápida e mais pesada. As grandes cadenciadas do Guilherme, estiveram presentes novamente, dessa vez, na ótima “Evolution”. Onde no final da música, o Leandro fez alguns cantos para o público repetir, o que foi bastante recebido por todos, mostrando a total diversão que o show estava e o talento extremo do Caçoilo. Como esse cara canta!

Mais duas músicas do “Theatre of Fate” foram tocadas: a grandiosa “Prelude to Oblivion” e a linda “Living for the Night”, novamente, o Leandro brilhando nos vocais com a galera cantando os trechos iniciais da música. O Felipe apresentou a banda, saindo todos bastante ovacionados pelos fãs. A vibrante “Rebel Maniac” foi executada e na vez do “bis”, a banda deu algumas palavras, dizendo o quanto estavam felizes, o quanto é incrível se apresentar no Sesc, aproveitaram e também agradeceram o Sesc por tudo, ainda falou que seria bom se o Brasil fosse o grande Sesc, e claro, agradeceram a produção do show, a organização e ao público por ter comparecido.

Depois disso, veio a última música do show e a saideira ficou pelo clássico do metal nacional “H.R.”, bem eletrizante, encerrou o show de uma maneira espetacular. E para mostrar ainda mais simpatia da banda, depois do encerramento do show, os integrantes ficaram atendendo os fãs no merchandising, seja para tirar foto, dar autógrafo, a banda se mostrou bastante simpática e atenciosa por fazer um ato como esse. VIPER mostrou o porquê de ser uma das maiores bandas brasileiras de metal. Devido a uma apresentação divertida, empolgante e de um talento fenomenal, foi mais um grande show que valeu cada minuto.

Setlist:

1. Coming From the Inside
2. To Live Again
3. A Cry From the Edge
4. Dead Light
5. Knights of Destruction
6. Acid Heart
7. Crime
8. Nightmares
9. We Will Rock You
10. Evolution
11. Prelude to Oblivion
12. Living for the Night
13. Rebel Maniac

Bis:

14. H.R.

Line-up:

Pit Passarell – Baixo
Felipe Machado – Guitarra
Guilherme Martin – Bateria
Hugo Mariutti – Guitarra
Leandro Caçoilo – Vocal

Fotos: Leca Suzuki

Giancarlo Rossi

Giancarlo Rossi

Editor-Chefe em Imprensa do Rock
Cursando Rádio e TV. Escuta todas as vertentes do Rock e do Metal. E Adora Cinema.
Giancarlo Rossi

Giancarlo Rossi

Cursando Rádio e TV. Escuta todas as vertentes do Rock e do Metal. E Adora Cinema.