StormSons inaugura nova fase com superprodução Black and Grey

Foto: Guilherme Fernandez/ Divulgação

Na era do acesso facilitado ao audiovisual – tanto para quem consome quanto para criadores – a banda STORMSONS resolveu apostar todas as fichas na produção de Black and Grey, seu mais recente videoclipe lançado com ares cinematográficos.

Black and Grey chama atenção justamente pelo alto nível de comprometimento dos profissionais envolvidos na costura do som, um stoner metal e southern rock dignos das maiores referências mundiais do gênero, com o roteiro e imagens. A música é single do disco de inéditas da banda que está prestes a ser lançado em formato físico e digital no início de 2019.

Black and Grey, claro, é artigo para o deleite dos fãs do quinteto formado por Kadu Pelegrini (vocal), Bruno Luiz (guitarra), Henrique Baboom (baixo), Mateus Schanoski (teclado) e Rodrigo Abelha (bateria), mas é também peça fundamental para quem gosta de uma boa produção audiovisual e busca boas referências nacionais para se orgulhar.

O filme foi construído em sessões de estúdio e também em uma fábrica em São Paulo. Contou com a prodigiosa atriz Fernanda Ferrer e aparição do curioso personagem Coveiro Maldito. Quem assina Black and Grey é Guilherme Fernandez, diretor responsável também pelo clipe de It’s No Good, cover de DEPECHE MODE recriado por STORMSONS (2017).

Black and Grey conta a história das prisões mentais e dramas psicológicos alternando atmosferas soturnas com ambientes claros evocando cenários como manicômio.

Sobre STORMSONS

Na estrada desde 2015, STORMSONS conta com músicos experientes e ligados a importantes nomes do rock brasileiro como KIARA ROCKS, SUPLA, TOMADA, ANJOS DO BECO e GOLPE DE ESTADO.

A banda tem um EP na discografia que marcou sua estreia. Intitulado “555”, o disco foi lançado digitalmente em todas as plataformas em 2015 e em formato físico em 2016. Foi gravado nos estúdios Midas e Toque Final Mastering. Do EP saíram clipes para as faixas “The Rite” (25 mil visualizações),  “Hollow Man” (71 mil visualizações) e lyric video para “555” (22 mil visualizações) no Youtube.

As letras compostas por Kadu Pelegrini giram em torno do misticismo e ocultismo sob influência de Aleister Crowley e Edgar Allan Poe e contam a história de uma pessoa que recorre a magia e rituais para conseguir entender sua obsessão pelo número 555 e o motivo dessa sequência ter mudado sua vida para sempre.

Em 2016 a STORMSONS foi convidada para abrir o show da lendária banda escocesa NAZARETH, em São Paulo, fazendo uma apresentação visceral e memorável para a multidão presente. No mesmo ano gravou o Senac Sessions com apresentação na íntegra disponível na internet.

Mais em:
instagram.com/stormsons_official
facebook.com/stormsons
Youtube: bit.ly/storm-sons-tv

Leca Suzuki

Bacharel em Rádio/ TV. Amante da fotografia e da boa música.
"A música é o verbo do futuro." (Victor Hugo)
Leca Suzuki
Avatar

Leca Suzuki

Bacharel em Rádio/ TV. Amante da fotografia e da boa música. "A música é o verbo do futuro." (Victor Hugo)