Selvagens à Procura de Lei faz show no MIS dia 20, sábado

Banda apresenta repertório de “Praieiro”, último álbum lançado, e sucessos dos oito anos de carreira

Selvagens à Procura de Lei/ Crédito: Dário Matos

São Paulo, janeiro de 2018 – Após retornar do primeiro show em Buenos Aires (Argentina) e se apresentar no Réveillon de Fortaleza, um dos maiores do Brasil, para mais de um milhão e trezentas mil pessoas, a banda SELVAGENS À PROCURA DE LEI anuncia um show no Museu da Imagem e do Som, instituição da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, no dia 20 de janeiro, sábado, às 21h30. A apresentação, que acontece dentro do projeto mensal Estéreo MIS, segue o mesmo repertório da turnê do álbum “Praieiro”, realizada em 2017, que contou com mais de 100 shows em 19 estados.

A SELVAGENS À PROCURA DE LEI é uma banda que surgiu em Fortaleza, e vem ganhando visibilidade em todo o Brasil. Está, por exemplo, confirmada no line-up do Lollapalooza 2018, onde tocam também The Killers, Pearl Jam e Red Hot Chili Peppers – trata-se da segunda apresentação da banda no festival, a primeira foi na edição do ano de 2014.

Os ingressos para o show já podem ser adquiridos no site da Ingresso Rápido e na recepção do MIS.

Serviço

ESTÉREO MIS | Selvagens à Procura da Lei

Data: 20.01 (sábado)

Horário: 21h30

Local: Auditório MIS (172 lugares)

Ingresso: R$14 (inteira) R$7 (meia) na Recepção MIS (terça a sábado das 10h às 21h30; domingos e feriados das 9h às 20h30) e pelo site do Ingresso Rápido.

Classificação: 14 anos

Museu da Imagem e do Som – MIS
Avenida Europa, 158, Jardim Europa, São Paulo| (11) 2117 4777 | www.mis-sp.org.br
Estacionamento conveniado: R$ 18. Acesso e elevador para cadeirantes. Ar condicionado.

Sobre a Selvagens à Procura de Lei

A banda Selvagens à Procura de Lei foi formada em 2009 em Fortaleza, Ceará, e toca rock com bastante influência da música nacional dos anos 80, de bandas como Legião Urbana; e do rock indie dos anos 2000, como The Strokes e Arctic Monkeys.

Formada por Rafael Martins (vocal e guitarra), Gabriel Aragão (vocal, guitarra e teclado), Caio Evangelista (vocal e baixo) e Nicholas Magalhães (vocal e guitarra), a Selvagens lançou três EPs no início da carreira: “Talvez eu Seja Mesmo Calado, mas Eu sei Exatamente o que eu Quero”, de 2010; “Suas Mentiras Modernas”, também de 2010; e “Lado C”, de 2011. Depois dos EPs, investiu esforços para gravar álbuns de estúdio, e, até o momento, foram lançados três. O primeiro deles é “Aprendendo a Mentir”, de 2011; seguido pelo homônimo “Selvagens à Procura de Lei”, de 2013; e o mais recente “Praieiro”, de 2016.

O single “Tarde Livre”, pertencente ao último álbum, foi eleito como o melhor de 2016 pelos leitores da revista Rolling Stone Brasil. Em 2017 se dedicaram à turnê de “Praieiro”, e fizeram quase cem shows em todo o país, além do primeiro em Buenos Aires, na Argentina.

Está ainda confirmada no line-up do Lollapalooza Brasil 2018 – trata-se da segunda apresentação da banda neste que é um dos maiores festivais do país; a primeiro foi em 2014.

Giancarlo Rossi

Giancarlo Rossi

Editor-Chefe em Imprensa do Rock
Cursando Rádio e TV. Escuta todas as vertentes do Rock e do Metal. E Adora Cinema.
Giancarlo Rossi

Giancarlo Rossi

Cursando Rádio e TV. Escuta todas as vertentes do Rock e do Metal. E Adora Cinema.