Resenha: JOHNNYBOX – “Deep Inside Jerry’s Mind” – Independente – 2013

Lançado em 2013, “Deep Inside Jerry’s Mind”, é o primeiro full-lenght da banda de Rock N Roll “JOHNNYBOX”, tendo uma sonoridade bastante atraente, típica de tocar tanto na mesa de som de um barzinho pela cidade, tanto para se escutar ao vivo mesmo.

O álbum começa com a introdução de “Microwave Odyssey”, somente um barulho de tempo finalizado de um microondas qualquer. Visto que a capa do disco é um cérebro simplesmente fritando dentro do aparelho doméstico. Logo a seguir, a rápida “Jerry”, com uma pegada interessante, que facilmente podemos destacar o volume do baixo e o pequeno solo que se estende por ela.

“The Jester”, terceira faixa do disco, traz novamente o baixo como destaque, além do solo de guitarra, o refrão ficou bastante pegajoso (bom para cantar junto). Pode ter certeza que possui um perfeito ritmo para se balançar o couro cabeludo, além de segurar aquele copo já pela metade de cerveja, fazer o clássico chifre com a mesma mão.

“Just Wait”, faça alguma coisa, ou, veja sua vida passando como um filme chato e ruim. Dessa vez, gostei do som da bateria. Simples e sem exagero. Senti até uma pegada de Skid Row, que a banda me corrija se eu estiver errado. Isso tanto na bateria, como no instrumental em si. Vale a pena escutar o álbum uma, duas ou até uma terceira vez e pegar os pequenos detalhes que passaram despercebidos.

A faixa “mais calma” do álbum é a “Emptiness In My Mind”, seguindo uma linha um tanto leve da “Just Wait”. Sendo os destaques. As faixas seguintes remetem a sonoridade da banda. Trazendo um bom rock n’ roll e boas lembranças. Recomendamos sem medo o JOHNNYBOX. Ouça, aprecie e depois, comente sobre o que achou.

  • Nota: 9,0 – por: Victor Santos

Links relacionados:

Victor Santos

Victor Santos

Editor-Chefe em Imprensa do Rock
Victor Santos é editor-chefe do Imprensa do Rock e Diretor Geral do Programa Unimetal. Desde 2011, vem trazendo conteúdo de qualidade para os amantes da música e do cinema.
Victor Santos