Resenha: Humberto Gessinger @ HSBC Brasil – São Paulo – SP – 21/03/2014

Apresentando músicas de sua carreira com o Engenheiros do Hawaii e de seu primeiro álbum Solo. O Humberto Gessinger, fez um show lotado no HSBC Brasil, na noite da última sexta-feira (21), em São Paulo. Diversos destaques ficaram por conta de sua incrível performance em plena forma aos 50 anos, animação do público que cantava todas as músicas de ponta-a-ponta e também não podemos esquecer dos integrantes que deram o seu melhor para que a noite no HSBC Brasil fosse inesquecível.

Alguns detalhes: Os integrantes que gravaram o álbum “Insular” junto de Humberto Gessinger, não foram os mesmos que o acompanharam durante sua turnê de lançamento. Aqui trouxe dois convidados especiais que fizeram por merecer e estão rodando o Brasil junto desse grande artista.

24

Foto por: Dimitry Uziel / © Todos os direitos reservados.

Chegando ao HSBC Brasil, já dávamos de cara com um publico animado, diversas pessoas conversavam entrei si antes do início do show. A casa estava semi-vazia, mas conforme o horário continuava a passar, derrepente não conseguíamos mais ver quem estava atrás de quem.

O show deu início após o terceiro sinal dado pela casa, com “Sampa No Walkman”, Humberto Gessinger já mostrava toda sua energia e empolgava os fãs mais velhos presentes, sempre com um sorriso de orelha-a-orelha no rosto, clássicos consagrados do Engenheiros do Hawaii vieram a tona: “Tudo Está Preparado”, “Toda Forma de Poder”, “Até o Fim” e “Armas Químicas e Poemas” foram as próximas. Já no início do show, Gessinger já anunciou toda a formação da banda que conta com Rodrigo Tavares (Esteban, ex-Fresno) na guitarra, Rafael Bisogno (bateria) e o próprio Humberto Gessinger (baixo/vocal), completando o line-up.

15

Foto por: Dimitry Uziel / © Todos os direitos reservados.

21

Foto por: Dimitry Uziel / © Todos os direitos reservados.

O show continuou com a pegada enérgica de Humberto, dando uma “volta no tempo” entre suas canções e o novo álbum “Insular”. A energia dos integrantes era incomparável. A correria no palco claramente mostrava que ele estava na mesma sintonia que até mesmo Bruce Dickinson ou Janick Gers, ambos, vocalista e guitarrista de uma das bandas mais representativas da história do heavy metal mundial o Iron Maiden. Sentíamos que ali no palco havia uma tremenda energia que espantava até os mais jovens que ficam horas e horas correndo pelas ruas das cidades em busca de uma forma que os deixem saudáveis. O que esses “vovôs” do Rock N’ Roll fazem é impagável.

11

Foto por: Dimitry Uziel / © Todos os direitos reservados.

10

Foto por: Dimitry Uziel / © Todos os direitos reservados.

O final maravilhoso do show, ficou por conta de outros grandes clássicos, com a galera sempre agitando, fazendo por merecer, além de falas do Humberto que empolgavam até quem estava lá longe curtindo esse grande show. Hoje possuo 21 anos, e pela primeira vez, pude ver Engenheiros do Hawaii ao vivo, quer dizer, pelo menos a voz deles. Desde os meus 13/14 anos, tive essa vontade de assisti-lo e ouvir canções como “Exército de um Homem Só” e a minha preferida comparada com toda a carreira do músico: “Infinita Highway”. Fiz questão de cantá-la frase por frase até ficar literalmente rouco. A semana começou maravilhosa e que os próximos dias se tornem mais ainda depois dessas energias grandiosas vindo das melodias e letras de Humberto Gessinger.

07

Foto por: Dimitry Uziel / © Todos os direitos reservados.

Texto por: Victor Santos // Fotos por: Dimitry Uziel
Agradecimentos pela atenção e o credenciamento: Cristiane Batista – HSBC Brasil

Victor Santos

Victor Santos

Editor-Chefe em Imprensa do Rock
Victor Santos é editor-chefe do Imprensa do Rock e Diretor Geral do Programa Unimetal. Desde 2011, vem trazendo conteúdo de qualidade para os amantes da música e do cinema.
Victor Santos