Resenha de CD | 2016: “Syntethic Nature” – Unnature

“Synthetic Nature” é o título do primeiro álbum do cariocas da UNNATURE, que apostam no Modern Metal para passar a sua mensagem, de forma muito eficiente, diga-se.

Avaliação pessoal: 8.5/10
Resenha por: Rogério Rezende
Edição: Victor Santos

O disco tem claras referências ao Brainstorm, Nevermore e até de bandas mais pesadas como Machine Head e Soulfly, tudo muito bem dosado aos elementos particulares do grupo.

Carina Pontes é, certamente, o principal destaque aqui, e interpreta muito bem todas as canções do álbum, sendo mesmo, uma baita cantora e que merece ser respeitada pelo seu talento.

Músicas como “Shades of Hate” e “So Close”  são os principais destaques, sendo a segunda o hit de todo o trabalho, por possuir peso e uma carga emocional digna dos melhores momentos do Nevermore.

“Synthetic Nature” tem distribuição no Brasil pela MS Metal Records, o que já garante um belo suporte ao trampo, e que pode indicar que ouviremos ainda falar bastante desta UNNATURE. Parabéns pelo grande início de carreira.

Victor Santos

Victor Santos

Editor-Chefe em Imprensa do Rock
Victor Santos é editor-chefe do Imprensa do Rock e Diretor Geral do Programa Unimetal. Desde 2011, vem trazendo conteúdo de qualidade para os amantes da música e do cinema.
Victor Santos