Resenha de CD | 2016: “A Kind of Being” – Outmask

Taí uma banda interessante e que me enganou! Quando vi essa capa, achei que o OUTMASK ia me despejar um milhão de riffs cortantes, dentro de um direcionamento mais voltado para o Death Metal, mas não! O que dita regra aqui é o Progressivo, muito refinado, e que flerta com outros nichos musicais de forma natural e agradável.

Avaliação pessoal: 8/10
Resenha por: Rogério Rezende
Edição: Victor Santos

Sim, o OUTMASK passa longe do Metal Extremo, e tem na figura do seu vocalista Enaldo de Paula, o líder que a banda precisa pra dar certo, dentro desta proposta aqui apresentada. Além do Progressivo, é perceptível a busca de elementos oriundos da MPB, Jazz e Fusion, o que enriqueceu muito o produto final.

“A Kind of Being” é o primeiro trabalho dos caras, e acabou de ser lançado pela MS Metal Records, o que já justifica e combina com o sentimento de “novidade” que emana de cada riff, cada nota, cada linha de voz! Ainda assim, acredito que o OUTMASK não tem uma proposta universal, ou seja, acredito que eles vão agradar um público mais seleto, além de, provavelmente, outros músicos.

Com uma proposta cheia de requinte o OUTMASK acerta em cheio na sua estreia, e espero mesmo que o público mais causal possa abraçar o grupo.

Paula Alecio
Paula Alecio

Paula Alecio

Sou bióloga de profissão e metaleira de coração e alma. Adoro sempre conhecer novas vertentes no rock e no metal, ir aos shows alimenta minha alma sedenta de heavy metal, e me faz sentir viva. Por isso mantenho o site no ar, para ajudar nossas bandas a irem mais longe! Estamos juntos nessa estrada conflituosa e cheia de vicissitudes.