Ya’s Walks: preços abusivos não espantam mais

iron-maiden-2-credito-divulgacao-idr-3

iron-maiden-2-credito-divulgacao-idr-3Ver shows espetaculares no Brasil sempre tem suas dificuldades, principalmente para quem dispõe de pouco dinheiro – ingressos com preços abusivos – ou mora longe de São Paulo, onde a maioria deles acontece, mas para quem não está em crise as opções são variadas.

Coluna: Ya’s Walk
Texto por: Yasmin Amaral

De David Gilmour, em dezembro de 2015, a Rolling Stones e Iron Maiden (com abertura feita pelo Anthrax) no período três de meses dessa república, com o dólar a R$3,7, casas cheias. Infelizmente, nem todos acompanham tudo, pois essas produções gigantescas ainda sofrem com a alta do dólar, diferente de quem trabalha na casa dos milhões e qualquer 10 centavos de reajuste faz a diferença.

Se antes desse aumento do dólar os preços já eram abusivos, hoje pra muitos é impossível. Veja a tabela abaixo:

Exemplo – Iron Maiden (Pista Premium):

Ano 2011: R$ 350,00
Ano 2012: R$ 450,00
Ano 2016: R$ 580,00

O preço do ingresso do show do Iron Maiden, no mesmo setor, apresentou um aumento de 28,57% de 2011 para 2013 e ainda mais 28,88% de 2013 para 2016. No total um aumento de 65,71% de 2011 até 2016.

São anos vivenciando o aumento, dia a dia, e talvez por isso muitos já tenham acostumado com a ideia de que nada vai mudar a não ser que o dólar valha R$1, enquanto isso ainda se guarda dinheiro para realizar um sonho e uma dívida.

Já levantei a bandeira para os eventos nacionais e vi que não adianta, porque o brasileiro gosta mesmo é de show gringo, de bandas que tocam em lugares luxuosos, que são clássicos do Heavy Metal e do Rock’n’Roll. Não estou falando do público underground, que apesar de pequeno é fiel, mas fidelidade não enche barriga, nem show. Estou falando do povo que lota estádios, que deixa o OLÊ OLÊ OLÁ muito mais alto, que fica com o celular gravando o show o tempo inteiro. Pra esses não tem crise.

______________________________________________________________________

“São anos vivenciando o aumento, dia a dia, e talvez por isso muitos já tenham acostumado de que nada vai mudar com os preços abusivos a não ser que o dólar valha R$1, enquanto isso ainda se guarda dinheiro para realizar um sonho e uma dívida.” – Yasmin

_______________________________________________________________________

Não existe solução, enquanto houver público pagante e preços abusivos, ressalto que quase tudo do Iron Maiden esgotou esse ano, vai ter show e vai ter quem fique em casa, no máximo assistindo pelo Youtube as gravações dessas pessoas que foram e compartilhando o azar que é estar sem dinheiro no Brasil.

Victor Santos

Victor Santos

Editor-Chefe em Imprensa do Rock
Victor Santos é editor-chefe do Imprensa do Rock e Diretor Geral do Programa Unimetal. Desde 2011, vem trazendo conteúdo de qualidade para os amantes da música e do cinema.
Victor Santos