Monsters of Rock: Ozzy Osbourne, Judas Priest, Primal Fear e De La Tierra receberam a imprensa na última sexta pré-festival

coletivamonstersozzy

O festival Monsters of Rock aconteceu no último final de semana (25 e 26 de Abril), em São Paulo, no Arena Anhembi e trouxe nomes consagrados como Manowar, Judas Priest, Ozzy Osbourne, Accept, Unisonic e muito mais – e na última sexta-feira, também em São Paulo, aconteceu a coletiva de imprensa que reuniu os citados acima Judas Priest e Ozzy Osbourne mais Primal Fear (com Aquiles Priester já assumindo as baquetas) e De La Tierra.

Primal Fear

coletivamonsterprimalfear

Diversos jornalistas de países da América do Sul como Chile, Colômbia e Argentina – incluindo os brasileiros –  se reuniram no Renaissance Hotel, na última sexta-feira (24/04) para entrevistar os artistas acima citados que se disponibilizaram de forma amigável. A primeira banda, o Primal Fear, teve o baterista Aquiles Priester nascido na África do Sul, mas criado no Brasil também presente e foi a sensação do grupo por ser considerado “nosso” a maioria das perguntas foi direcionada a ele e os próprios integrantes em si, desceram elogios sobre o músico.

Os integrantes riram durante todo o tempo da coletiva por lembrar de momentos que tiveram no Brasil como as diversas caipirinhas que experimentaram e além de Aquiles, o vocalista Ralf Scheepers comentou com orgulho ao dizer que o baterista é um dos melhores do mundo e dizendo que o público brasileiro é enlouquecido e que amou de verdade isso em nós.

A Imprensa do Rock conseguiu perguntar ao Aquiles sobre como é organizar a vida simplesmente com três bandas já que além de estar atualmente no Primal Fear ele ainda conta com participação no Hangar e Noturnall (ao qual se preparam para lançar um novo trabalho) e além de workshops que o músico realiza no Brasil inteiro – mas ele respondeu de forma diferente dizendo: “No final das contas, realmente é muito trabalho manter todos esses projetos e terminando isso, a banda que ocupar o maior espaço de tempo é a que eu terei o orgulho em permanecer permanentemente.”

Aquiles finaliza dizendo que a atual turnê do Primal Fear está para chegar ao fim e que logo, logo entrarão novamente em estúdio para gravar o já sucessor do aclamado “Delivering The Black, 2014” e será o primeiro álbum de estúdio da banda contando com o Aquiles na bateria.

Judas Priest

coletivamonstersjudas

Em seguida, foi a vez do aclamado Judas Priest ser recebido por flashs e aplausos dos jornalistas e fotógrafos presentes a formação toda estava bem humorada afinal, a banda tocou nos dois dias de Monsters of Rock e abriu para bandas como Ozzy Osbourne e KISS – comentado também que o repertório não sofreria mudanças (mas devido o problema de saúde de Lemmy do Motörhead, duas músicas foram acrescentadas no sábado (25) e no domingo (26) foi encurtado, pois, todas as bandas se apresentaram normalmente em seus devidos horários).

Durante a coletiva também foi relatado a primeira visita da banda ao Brasil dizendo que foi bem corrida por tocarem no Rock In Rio, em 1991 com o excelente álbum “Painkiller” fazendo parte do tema da turnê e Richie Faulker novato na banda também ousou se intrometer (no bom sentido) na coletiva e mencionou o qual fantástico era estar fazendo parte de uma de suas bandas favoritas desde o colégio.

Alguém no finalzinho da entrevista tomou coragem e perguntou ao Rob Halford se ele fazia treinamentos vocais antes de cada show – interrompendo o jornalista, Halford solta um seco “Não!”. Scott Travis assumiu o comando e disse: “Ele é o Deus do metal, ele precisa disso?”, e a imprensa toda cai na gargalhada.

De La Tierra

coletivamonsterslatierra

A terceira coletiva de imprensa da noite contou com os argentinos do De La Tierra (estavam presentes apenas o baixista Sr. Flavio e o guitarrista também vocalista André Gimenez) que se apresentaram timidamente pois, os colegas de banda Andreas Kisser (guitarrista) estava em um evento e Alex González teve um problema com seu voo atrasado, feito isso, os dois mandaram bala e com autoridade e simpatia dizendo: “só tem dois argentinos aqui, se quiserem perguntar com respeito, perguntem” completou André Gimenez.

A coletiva com o De La Tierra se resumiu falando sobre a cena Rock e Metal da América Latina, quebrar padrões de idiomas sobre cantar em inglês ou na língua nacional – Sr. Flavio acabou por dizer: “No meu país, tem gente que tem preconceito. Se a banda canta em inglês dizem que são vendidos. Mas eu não tenho preconceitos. Cada um canta no idioma com o qual se sente à vontade.” E completa: “Eu gosto da minha língua”.

Novidades sobre um novo disco foi comentada, mas não detalhada. No final, a banda está se concentrando em sua atual turnê e sobre o amor ao heavy metal, André Gimenez tomou a frente, teu aquele toque no peito de irmandade e terminou dizendo com orgulho estampado no rosto: “Heavy Metal é um sentimento. O Metal segue vivo, derrubando barreiras que a moda impõe”. E felizes de estarem em frente a tantos jornalistas e fotógrafos que os respeitaram fielmente, a banda ousou eles mesmos tirarem uma foto de toda a imprensa presente.

Ozzy Osbourne

coletivamonstersozzyosbourne

O frio na barriga tomou verdadeiramente conta de mim e dos jornalistas colegas que estavam ao meu lado que deu para conversar detalhadamente sobre a experiência de estarem presentes na coletiva ao anunciarem que a entrevista da noite pré Monsters of Rock seria com nada mais e nada menos que o “madman” Ozzy Osbourne.

Assim que a porta lateral foi aberta, Ozzy soltou alegremente um breve “Hello!” abrindo os braços e sorrindo – sinal claro que os fotógrafos capitaram e a coletiva se transformou praticamente numa balada noturna de tantos flash que era possível perceber e os aplausos também foram frenéticos – uma oportunidade dessas de fotografas a lenda vida, estava borbulhando em nossas mentes.

Diversas perguntas que Ozzy provavelmente já estava careca em responder foram respondidas em grandes cortes ou o mesmo respondia com “oh, yeah” quando o inglês do jornalista não era muito claro. Quando feito as perguntas que foram cortadas ou não entendias, Ozzy comentou em tom sério a respeito sobre Tony Iommi dando apoio total ao músico, dizendo que troca mensagens constantemente com ele para saber como estão as coisas. Também comentou sobre o próximo álbum de estúdio que não tem a mínima ideia de quando será lançado. E infelizmente garantiu que o Black Sabbath faria a turnê derradeira de despedida no próximo ano e não citou que continentes fariam parte ou países em si – mas, lembremos que o próprio madman não se aposentará.

Terminando a coletiva com uma pergunta não muita haver uma jornalista perguntou como Ozzy conseguia ser tão sexy nos shows – não entendendo a pergunta Ozzy pediu para a moça repetir e quanto entendi soltou um irônico: “Venha ao meu quarto e eu te mostro” com a banda e Ozzy caindo na gargalhada e claro, os profissionais presentes.

Sobre o Monsters of Rock:

O Monsters of Rock aconteceu no último final de semana em São Paulo, no Arena Anhembi, nos dias 25 e 26 de Abril e a cobertura completa pode ser conferida clicando aqui!. A Imprensa do Rock agradece a Midiorama pelo credenciamento e ao fotógrafo Matheus Silva pelas fotos.

Edição: Victor Santos

Victor Santos

Victor Santos

Editor-Chefe em Imprensa do Rock
Victor Santos é editor-chefe do Imprensa do Rock e Diretor Geral do Programa Unimetal. Desde 2011, vem trazendo conteúdo de qualidade para os amantes da música e do cinema.
Victor Santos