Megadeth em São Paulo: quarteto mostrou excelente sintonia em nova formação

O Megadeth desembarcou pela 14ª vez no Brasil, sendo a 10ª em São Paulo, no Espaço das Américas, no último domingo (7). A banda liderada pelo guitarrista e vocalista Dave Mustaine, com Kiko Loureiro (Angra), na guitarra, David Eleffson, no baixo, e Dirk Verbeuren (ex-Soilwork), na bateria, mostrou excelente sintonia e presença de palco ao apresentar a turnê mundial de Dystopia.

Após críticas extremamente bem elogiadas do recente álbum do grupo, o Megadeth, com aproximadamente 45 minutos de atraso, subiu ao palco para mostrar do que aquelas músicas gravadas a pouco tempo eram capazes de fazer em uma casa de shows lotada, tendo excelente iluminação e uma ótima qualidade de som.

Estava na ansiedade em conferir a performance de Chris Adler (Lamb of God) na bateria, mas apesar de sabermos que o músico era apenas contratado da banda, era de se esperar a substituição por outro baterista como o Dirk nos shows da turnê.

Além das excelentes performances de Dave Mustaine e Kiko Loureiro, a presença do palco temático era impagável. Desde “Hangar 18” até “The Treat Is Real” e a “Tornado of Souls” – dedicada ao falecimento de Nick Menza. As luzes e efeitos pirotécnicos deixavam qualquer fã extasiado ao juntar isso, os riffs e os solos de guitarra de cada música. Outras músicas do recente álbum foram executadas, como a faixa-título “Dystopia”, “Post American World”, que conta com um vídeo clipe descomunal e “Conquer or Die!”.

Também foram executadas músicas clássicas como “Rattlehead”, “Trust”, “Peace Sells”, “Symphony of Destructicon” – e uma tocada especialmente para o show em São Paulo, “Mechanix”.

Alegre pela notícia da gravadora de que Dystopia foi o álbum mais recente da banda vendido em São Paulo, Mustaine agradeceu ao público e diz que era por isso que estava tão ansioso em retornar a capital paulista.

Em resumo, foi uma espécie de “ritual” ter visto Kiko Loureiro desembarcar em sua cidade natal e ver o sorriso estampado na cara do guitarrista com sua nova banda (e que banda). Dave Mustaine também mostrou uma performance e humor único, ao lado de David e Dirk – que mesmo “quietinho” lá no fundo, mostrou que sabe muito bem conduzir qualquer tipo de trabalho que é lhe dado.

Set List :: Megadeth: “Dystopia World Tour”-SP ::
07 de Agosto de 2016 – Espaço das Américas

01. “Hangar 18”
02. “The Threat Is Real”
03. “Tornado of Souls”
04. “Poisonous Shadows”
05. “Rattlehead”
06. “Wake Up Dead”
07. “In My Darkest Hour”
08. “Conquer or Die!”
09. “Fatal Illusion”
10. “She-Wolf”
11. “Dawn Patrol”
12. “Poison Was the Cure”
13. “Sweating Bullets”
14. “A Tout Le Monde”
15. “Trust”
16. “Post American World”
17. “Dystopia”
18. “Symphony of Destruction”
19. “Peace Sells”

Encore:

20. Mechanix
21. Holy Wars… The Punishment Due

megadeth16dirksoilsp

Victor Santos

Victor Santos

Editor-Chefe em Imprensa do Rock
Victor Santos é editor-chefe do Imprensa do Rock e Diretor Geral do Programa Unimetal. Desde 2011, vem trazendo conteúdo de qualidade para os amantes da música e do cinema.
Victor Santos