Ira! @ Sesc Belenzinho – São Paulo/SP (14/09/2018)

Dias 14 e 15 de setembro, o Sesc Belenzinho recebeu uma das maiores bandas do rock nacional de todos os tempos, IRA!. Após um hiato de 7 anos, a banda retornou em 2014, com os principais integrantes Nasi (vocal) e o fundador Edgard Scandurra (guitarra), e com uma formação nova, composta por Evaristo Pádua (bateria), Johnny Boy (teclados e violão) e Daniel Rocha (baixo). Devido aos 30 anos do clássico “Psicoacústica” (1988), terceiro álbum de estúdio da banda, IRA! realizou essas apresentações em São Paulo em comemoração a esse clássico disco do rock brasileiro, executando-o na íntegra. Foi um repertório extenso, além das faixas desse disco, esteve presente também, vários outros clássicos de sua carreira. E eu, estive lá, no dia 14, para conferir essa incrível apresentação de uma banda tão incrível que é o IRA!.

Um ótimo público estabelecido no Sesc Belenzinho, que por sinal, ingressos esgotados nos dois dias, a banda toda sobe ao palco e já dando início com a excelente “Rubro Zorro”, primeira faixa do “Psicoacústica”, de 1998, e como este show faz parte desse álbum, executaram-no na íntegra e na sequência correta, sendo assim, vieram: a rápida e empolgada “Manhãs de Domingo”; “Poder Sorriso Fama”, uma das melhores do disco, possuindo um grande refrão marcante, com a bateria realizando grandes trabalhos nas melodias; “Receita Para se Fazer um Herói”, uma música bem gostosa e até dançante; “Pegue Essa Arma”, uma ótima composição destacando as notas graves no baixo, que dá um excelente ritmo na música; “Farto do Rock’n Roll”; “Advogado do Diabo”, bem ritmada, onde o som do pandeiro, que contém na gravação de estúdio, ficou por conta da bateria em reproduzir o som do instrumento; e para fechar o “Psicoacústica”, “Mesmo Distante”, uma canção mais lenta, calma e muito bonita.

Nota-se nitidamente o carisma do Nasi e do Edgard, por serem grandes músicos e por serem da formação original, suas performances são dignas de puro talento e executaram esse disco clássico perfeitamente. O Nasi em seus excelentes vocais e o Edgard realizando os ótimos riffs e solos na guitarra e ficando responsável nos backing vocals, é de se admirar pela tamanha dedicação. Os outros integrantes da banda, Evaristo, Johnny e Daniel, estavam realizando ótimos trabalhos em cada composição e mostraram a razão por estarem na banda.

Já que o “Psicoacústica” foi executada na íntegra e sabemos o quanto o IRA! possui outras inúmeras composições clássicas em sua carreira, foi a vez desses outros clássicos aparecerem. Portanto, o show continuou com a linda “Flores em Você”, do clássico “Vivendo e Não Aprendendo” de 1986, com o público cantando os trechos da música formando um belo coro, tornando aquele momento ainda mais lindo. Continuando no mesmo disco, “Dias de Luta” foi tocada. “Flerte Fatal” veio na sequência, para depois vier mais duas do “Vivendo e Não Aprendendo”: “Vitrine Viva” e o grande hit “Envelheço na Cidade”, onde o Nasi deixou o público cantar os primeiros trechos da música e novamente, formando outro lindo coro. Destaque também para o maravilhoso refrão que contém na canção, sendo cantada com toda empolgação dos fãs. Como estamos falando dos clássicos, foi a vez de executarem “Núcleo Base” do “Mudança de Comportamento” de 1985, primeiro álbum de estúdio da banda.

O Nasi fez a apresentação da banda, saindo todos bem ovacionados e se retiraram do palco. Porém, com muitas vibrações do público pedindo “mais uma” e gritando o nome da banda diversas vezes, o IRA! volta ao palco para executarem outros grandes clássicos. Começar pelas lindas “O Girassol” e “Eu Quero Sempre Mais”, cantadas a plenos pulmões pelos fãs. “Tarde Vazia” do “Clandestino” de 1990 foi outra música bastante aclamada pelo público, novamente, todos cantando os trechos da canção. E para finalizar a apresentação, a intensa “O Bom E Velho Rock’n Roll”, foi executada e logo após a finalização da música, o Nasi ainda falou: “Boa noite Belenzinho, nós somos a última banda de rock, nós somos o Ira!”. Com altas salvas de palmas dos fãs, a banda se despede do público. Totalmente felizes e realizados por terem se apresentado naquela noite, foi lindo de se admirar e uma emoção muito grande em ter presenciado a um show de uma das maiores bandas brasileiras de todos os tempos. Showzaço!

Setlist:

1. Rubro Zorro
2. Manhãs de Domingo
3. Poder Sorriso Fama
4. Receita Para se Fazer um Herói
5. Pegue Essa Arma
6. Farto do Rock’n Roll
7. Advogado do Diabo
8. Mesmo Distante
9. Flores em Você
10. Dias de Luta
11. Flerte Fatal
12. Vitrine Viva
13. Envelheço na Cidade
14. Núcleo Base

Bis:

15. O Girassol
16. Eu Quero Sempre Mais
17. Tarde Vazia
18. O Bom E Velho Rock’n Roll

Line-up:

Nasi – Vocal
Edgard Scandurra – Guitarra
Evaristo Pádua – Bateria
Johnny Boy – Teclados e Violão
Daniel Rocha – Baixo

Fotos: Leca Suzuki

Giancarlo Rossi

Editor-Chefe em Imprensa do Rock
Cursando Rádio e TV. Escuta todas as vertentes do Rock e do Metal. E Adora Cinema.
Giancarlo Rossi
Avatar

Giancarlo Rossi

Cursando Rádio e TV. Escuta todas as vertentes do Rock e do Metal. E Adora Cinema.