HELLPATH trazendo um Modern Metal pesado e cativante

 

Desculpem o palavriado, mas que disco do caralho! Estes caras do HELLPATH vêm de Londrina, Paraná, trazendo um Modern Metal pesado, cativante e com algumas influências do Heavy Metal dos anos oitenta, neste violento “Through The Paths Of Hell”.

Por Rogério Rezende

Nota: 09.5/10.0

Lançado em 2017 pela MS Metal Records, que não cansa de nos apresentar vários novos nomes do nosso cenário, o álbum já vem tomando uma proporção enorme, sendo um dos mais vendidos do sua referida gravadora. E não é pra menos, pois o que temos aqui pode vir a se tornar um clássico do gênero no país, podendo ainda romper nossas fronteiras e invadir o território europeu com facilidade. O vocalista Thiago Müller é um dos destaques, sem sombra de dúvidas, por sua versatilidade e cacife para conduzir tanto as linhas mais viscerais, quanto, e principalmente, as mais melodiosas. “The Chamber” é um ótimo exemplo do que mencionei, e acaba por ser um dos destaques dessa bolachinha, mas não se engane, deixe de preguiça e ouça o disco na íntegra, de preferência com o encarte em mãos, assim como fiz, pra ter uma experiência completa.

“Through The Paths Of Hell”é um disco que pode vir a agradar tanto os fãs mais chatos e ortodoxos, quanto a molecada dessa geração, pois bebe de diversas fontes com muita propriedade. Vale aqui a minha indicação, e espero ver estes caras no topo, pois merecem. Fato! Excelente obra!