Gorgoroth @ Hangar 110 – São Paulo/SP (07/12/2017)

A polêmica e uma das maiores bandas de black metal mundial, GORGOROTH, acaba de fazer uma turnê pela América Latina e um dos lugares que eles passaram foi no Hangar 110 em São Paulo. Comemorando os 25 anos da banda, GORGOROTH mostrou nessa apresentação, a potência, a insanidade e o satanismo que eles sempre possuíram.

Mantendo o guitarrista e líder Infernus de sua formação original, a banda se completa com Hoest nos vocais, Guh.Lu no baixo, Fabio Zperandio na guitarra e Vegar ‘Vyl’ Larsen na bateria. Praticamente sem interação nenhuma com o público, a não ser para avisar as músicas que executariam, o Hoest falando “São Paulo” umas duas vezes e deixando o público cantar os refrões da música “Incipit Satan”. Mas é óbvio que isso não interferiu nem um pouco no show deles e fizeram com que a apresentação fosse extremamente pesada, brutal, satânica e do melhor estilo possível.

Com os integrantes bem caracterizados, o show deu início com a intro mecânica “Marche Funèbre” do Frederic Chopin, que por sinal, uma intro como essa para um show do GORGOROTH, já é bem macabra e entrar no clima da apresentação. Logo já entraram com a “Bergtrollets Hevn” do clássico “Antichrist” de 1996. Duas músicas do “Quantos Possunt ad Satanitatem Trahunt” de 2009, vieram na sequência: “Aneuthanasia” e a excelente e talvez uma das melhores músicas da banda, “Prayer”. Depois de alguns gritos de “Gorgoroth, Gorgoroth…” do público, veio a clássica “Katharinas Bortgang” do primeiro álbum de estúdio “Pentagram” de 1994. O Hoest mostrando os vocais rasgados e demoníacos a cada instante, foi um aspecto positivo e chamativo pela sua dedicação e capacidade.

Alguns gritos de “Infernus, Infernus…” e veio “Revelation Of Doom” do “Under the Sign of Hell” de 1997. “Forces Of Satan Storms” do “Twilight of the Idols (In Conspiracy with Satan)” de 2003, foi a próxima. Depois, mais duas músicas do “Under the Sign of Hell”: “Ødeleggelse og Undergang” e “Blood Stains the Circle”. Mais gritos de “Gorgoroth, Gorgoroth…” e foi executada “Cleansing Fire”. Em seguida, emendaram a “Destroyer” e a clássica “Incipit Satan”, onde o vocalista Hoest, deu o microfone para o público e deixou-os cantarem os refrões da música.

“Krig” foi executada e mais alguns gritos de “Infernus, Infernus…”, o que era óbvio disso acontecer, pelo caso do Infernus ser o único membro da formação original e por ser o líder da banda. Depois, veio “Kala Brahman”, única música do “Instinctus Bestialis” executada na noite. E para encerrar essa apresentação demoníaca, veio “Unchain My Heart!!!”, outro clássico da banda.

Cada integrante da banda realizaram bons desempenhos e claro, o destaque maior vai para o guitarrista e líder Infernus. Pelo público gritar o nome dele em algumas ocasiões, estava na cara de que ele seria o mais ovacionado. E sua performance ao executar os riffs, foi completamente impecável e satisfatório. Com relação a sua postura, ele se mostrou bem tranquilo e sem reação alguma ao executar cada riff. O restante dos integrantes, mostraram ótimos trabalhos a cada música executada. Bem empolgados e dedicados, eles provam a cada show do GORGOROTH, o motivo por permanecerem na banda.

Com um repertório monstruoso, bem selecionado e diabólico, GORGOROTH fez uma apresentação de aproximadamente 55 minutos, sim, bem rápida, porém, mostraram o quanto eles são conceituados e respeitados pelo estilo que fazem. Por esses e outros motivos, GORGOROTH será sempre bem-vindo em terras brasileiras.

Setlist:

1. Bergtrollets Hevn
2. Aneuthanasia
3. Prayer
4. Katharinas Bortgang
5. Revelation Of Doom
6. Forces Of Satan Storms
7. Ødeleggelse og Undergang / Blood Stains the Circle
8. Cleansing Fire
9. Destroyer / Incipit Satan
10. Krig
11. Kala Brahman
12. Unchain My Heart!!!

Line-up:

Infernus – Guitarra
Hoest – Vocal
Guh.Lu – Baixo
Fabio Zperandio – Guitarra
Vegar ‘Vyl’ Larsen – Bateria

Giancarlo Rossi

Giancarlo Rossi

Redator em Imprensa do Rock
Cursando Rádio e TV. Escuta todas as vertentes do Rock e do Metal. Adora Cinema. E é maníaco por WWE.
Giancarlo Rossi

Giancarlo Rossi

Cursando Rádio e TV. Escuta todas as vertentes do Rock e do Metal. Adora Cinema. E é maníaco por WWE.