Glenn Hughes em Sampa: uma noite de Rock com alma, pegada e coração.

The Voice Of Rock! Yes!! Ele mesmo, Mr. Glenn Hughes novamente em São Paulo para mais uma apresentação exatamente um ano após sua última passagem pela cidade. Além de seu trabalho solo, Hughes é conhecido pelos trabalhos com as bandas Deep Purple, Black Country Communion e Trapeze. O vocalista/baixista também tem ótimos trabalhos registrados com o Black Sabbath e com o guitarrista Gary Moore.

Foto: Facebook Glenn Hughes

Texto: Rodrigo Flausino

Para a felicidade dos fãs – sim, eles marcaram presença mesmo debaixo de chuva torrencial num domingão à noite – pontualmente a banda sobe ao palco. O trio formado também por Soren Andersen (guitarrista) e por Pontus Engborg (baterista),  já começa com “Way Back To The Bone” do Trapeze – grupo de Glenn antes mesmo do Deep Purple. Logo na sequência e sem parar vieram “Muscle and Blood”, “Orion” e “Touch My Life”. Já podíamos perceber que era o mesmo set-list das datas anteriores da tour.

A banda é bem competente tanto no som quanto na performance de palco. A musicalidade do trio é notória. As mudanças de dinâmica em meio os improvisos na linha Cream, Deep Purple, é interessante de se assistir. O baterista apresentou groove e ao mesmo tempo boa pegada e o guitarrista uma boa presença de palco. Mas sem dúvida o destaque é a interpretação cheia de “alma” do vocalista.

Como se não bastasse o talento, Glenn Hughes é um cara bastante gentil e comunicativo com os fãs. Durante o show, ele mandou seus agradecimentos sinceros e muitos elogios, deixando bem claro o quanto ele é feliz por ter os fãs que tem. Antes de “Stormbringer” – clássico do Deep Purple e um dos pontos altos do show – citou sua gratidão por entrar no “Rock And Roll Hall Of Fame” pela banda que projetou sua carreira e arrancou aplausos do público quando disse “God bless Jon Lord” e também “God bless Tommy Bolin” (ex-membros do Purple que já faleceram).

“One Last Soul” do Black Country Communion também levantou a galera. Foi quando ele anunciou que a banda vai se reunir novamente para um novo álbum. Anunciou também um novo álbum solo “Resonate”  tem data de lançamento marcada para 4 de novembro. Então veio a música seguinte, nessa ele anunciou como uma música que fizeram para o álbum “Burn” (Deep Purple), mas que não entrou no disco e ficou para o “Come Taste The Band”: “You Keep On Moving”.

A banda fez 11 músicas e voltou para um bis com mais dois sons: “Black Country” e “Burn” – foi uma grande satisfação ver a voz original desse clássico cantando muito como no disco. Resultado: 1h30m de como ele mesmo fala “rock pesado e com groove”. Aliás, fica registrado que Mr Glenn Hughes é também um excelente baixista. Sem dúvidas uma noite de Rock com alma, pegada e coração.

Set List:

  1. Way Back to the Bone
  2. Muscle and Blood
  3. Orion
  4. Touch My Life
  5. First Step of Love
  6. Stormbringer
  7. Medusa
  8. Can’t Stop the Flood
  9. One Last Soul
  10. You Keep on Moving
  11. Soul Mover
  12. Black Country
  13. Burn