Fallen Shadows: nova banda de ex-integrantes do Angels Holocaust e Mystical End lança primeiro single

Carlos Pranches, Rodrigo Cafundó e Eduardo Meira estreiam com “A Day of Treason” | Foto: Will Porto

Dezesseis anos após o lançamento de “Game of Chaos” da Mystical End, o vocalista Rodrigo Cafundó (ex-Mystical End e Angels Holocaust), o guitarrista Carlos Pranches (Mystical End e Trovadores) e o baixista Eduardo Meira (Mystical End e Trovadores) se reencontram para o lançamento de “A Day of Treason“, o primeiro single da banda Fallen Shadows.Gravado no Modus Operandi Studio e produzido por Raphael Dantas (Ego Absence e Soulspell), o single reúne os músicos depois de mais de uma década: “Nós criamos ótimas músicas juntos no período do Mystical End e resgatar esse processo hoje é muito valioso. Aliás, retomar a parceria e a amizade foi o ponto mais importante dessa jornada”, comentou o vocalista Rodrigo Cafundó. “Nossa nova banda reúne muitas características do passado, com os pés no presente e com os olhos no futuro. É uma continuidade renovada, revigorada e repleta de energia”, acrescentou.

Confira o lyric video de “A Day of Treason” em https://youtu.be/gEM6Mu_7ev8

O guitarrista Carlos Pranches observa que a Fallen Shadows trabalha conceitos atuais em seu primeiro single, como invasão ao Capitólio dos EUA ocorrida em 6 de janeiro de 2021. “O single ‘A Day of Treason’ trata da invasão ao Capitólio dos EUA, que ocorreu no ano passado. O tema é uma mistura de visão crítica de que aquilo foi um erro e os culpados serão punidos, com partes da visão fanatizada dos invasores que acreditavam estarem certos e que a sua causa era justa. Um ótimo tema para começarmos”, pontuou. “Não tem como fechar os olhos diante do que está acontecendo em nosso mundo atualmente. Tantos problemas sociais, políticos, crises sanitárias… Enfim, não dá para ignorar. Por isso não queríamos algo ‘místico’ ou ‘fantasioso’, mas direto e real”, acrescentou.

Já o baixista Eduardo Meira, também responsável pela criação da identidade visual da banda, explicou pela opção de usar uma estética com imagens em preto e branco. “Acredito que a estética pautada nas imagens em preto e branco representa bem o conceito sombrio que dá nome à banda, além de retratar bem o que somos, da nossa jornada até aqui. Tudo muito honesto e real. A capa do single aborda a divisão, polaridade e destruição promovida por extremistas cegos e conspiratórios. Representa bem o peso da nossa música.”

Após o lançamento de “A Day of Treason”, a Fallen Shadows revela que o foco é seguir compondo e gravando. “Certamente lançaremos mais músicas, pois o foco é continuar compondo e gravando. Temos uma assustadora facilidade em produzir música juntos e já estamos pensando no próximo single”, concluiu o vocalista Rodrigo Cafundó.

Ouça “A Day of Treason” nas plataformas digitais:
https://onerpm.link/839477276865

Mídias sociais:
Instagram: @fallenshadows_official
Facebook: @fallenshadowsmetal
Canal Oficial no YouTube: https://bit.ly/3DghUH6

E-mail: fallenshadowsmetal@gmail.com

Ricardo Batalha

Ricardo Batalha

RICARDO BATALHA tem uma trajetória que se confunde com a própria história do heavy metal no Brasil. Trabalha na revista Roadie Crew desde 1996 e é um dos diretores da ASE Press – Assessoria e Consultoria.