Entrevista: Vincent Cavanagh, guitarrista do Anathema concede uma entrevista ao Imprensa do Rock

Prestes a realizar uma tour no Brasil, o Anathema é sempre bem vindo em nosso país. Já são 25 anos de carreira, grandes shows realizados e excelentes discos lançados.

Vincent Cavanagh gentilmente nos concedeu uma entrevista bem descontraída e percebe-se que o mesmo é um grande amante do nosso futebol. Vincent também nos conta sobre o que espera dessa tour que será realizada. Divirtam-se!

– Agradecendo a oportunidade e desejando grande sucesso por mais uma passagem pelo Brasil, vocês estão retornando para uma nova apresentação em 2015. Como é se apresentar para o público brasileiro?

Vincent: Estamos trazendo grandes músicas novas! Esperamos muita energia positiva, integridade e humildade.

– Sobre o disco “Universal”, onde ele tem sido mais elogiado?

Vincent: Universal é um Concerto dirigido por Lasse Hoile, filmado em um anfiteatro na Bulgária em 2012. Ele tem recebido elogios de todos os lados, incluindo uma indicação conhecida por ‘Best Multi-Media Release’, votado pelos críticos da revista PROG do Reino Unido.

– A banda hoje se encontra em um grande momento na carreira e têm ganhado fãs de diferentes faixas etárias e logicamente os mais antigos sempre os acompanham. Como é lidar com essa fase um pouco mais avançada com relação a isso?

Vincent: Continuamos a desenvolver nossas composições, nossa música evolui e progride naturalmente. Não ligamos sobre as influências externas ou os desejos dos outros, continuamos no nosso caminho, seguindo em frente e sem pensar em parar. Apenas a recompensa de estar em um constante estado de evolução.

anathema9111_1_gallery

– Em 2013 vocês tiveram no país para uma única apresentação. Qual o motivo de ter sido realizado apenas um show?

Vincent: Essa é uma decisão tomada pelos promotores. Nós queríamos ter nos apresentado em outras cidades, mas às vezes nem sempre é possível. Talvez na próxima vez.

– Com relação ao setlist que será apresentado, teremos um set com bastante clássicos?

Vincent: Sim vários clássicos! Antigos e os novos também.

– Sobre nossa cultura brasileira e também a culinária, o que mais agradam a vocês.

Vincent: Na culinária eu gostava churrascos e as caipirinhas, mas como agora eu sou vegetariano, beber muito está fora de meu cardápio. Musicalmente eu amo o trabalho do Amon Tobin, especialmente ao vivo, ele é um fenômeno.

O café brasileiro também é bom. Sabe mais? A seleção brasileira de futebol de quando eu era criança na década de 80: Sócrates, Zico, Falcão etc, a equipe de 1994 não foi ruim, mas foi um estilo diferente. Eu não agradei muito da seleção campeã de 2002 realmente gosto muito da próxima geração que venceu em 2002, mas Cafu e Roberto Carlos foram dois grandes laterais que não paravam, jogaram muito! O que aconteceu na copa de 2014 foi uma estranha merda, mas foi apenas um acidente de percurso na história do futebol brasileiro e não o começo de uma tendência.

anathema-Photo-by-Alx-Leeks

– O álbum “Distant Satellites” saiu conforme o esperado? E como tem sido a reação do público.

Vincent: A reação tem sido grande, estamos muito felizes com ele. Mas gostaríamos de alterar algumas coisas no próximo disco.

– Como está o ano de 2015 para a banda, algo novo para acontecer?

Vincent: Estamos planejando alguns shows especiais e shows acústicos em catedrais, além de uma turnê chamada “Resonance”, que comemora a história da banda, com participações de Darren White e Duncan Patterson, talvez um lançamento no final do ano, seguido por mais turnês no outono.

vincent_gavanagh

– Foi um grande prazer entrevista-los, estamos realmente felizes com o retorno da banda ao país e que tenhamos grandes shows por aqui. Deixem suas mensagens para os fãs brasileiros.

Vincent: Obrigado pela entrevista, estamos ansiosos para ver todos em breve! E não se preocupem, Dunga fará um bom trabalho. Ele vai separar os homens dos meninos.

Entrevista: Leandro Fernandes
Agradecimento:
THE ULTIMAE MUSIC – PR

Victor Santos

Victor Santos

Editor-Chefe em Imprensa do Rock
Victor Santos é editor-chefe do Imprensa do Rock e Diretor Geral do Programa Unimetal. Desde 2011, vem trazendo conteúdo de qualidade para os amantes da música e do cinema.
Victor Santos