Dream Theater: Mike Portnoy fala mais sobre sua saída da banda

mikeportnoy

Mais uma vez, Mike Portnoy, fala sobre sua saída do Dream Theater ao TheNationalStudent.com, o baterista comenta mais um motivo ao qual o fez deixar o Dream Theater e ceder seu lugar ao atual baterista Mike Mangini. Confira!

“Assim que o contrato com uma gravadora é assinado, aparecem no caminho todas as besteiras e jogos políticos possíveis. Isto estraga tudo! A sua carreira passa a ser destinada a realizar a agenda e os objetivos da gravadora, dos agentes, dos advogados e das produtoras de shows. Após 25 anos no Dream Theater, chegamos em um ponto onde tudo se tornou negócio, business. O amor e inocência pela música desaparece logo após o início da carreira de muitas bandas. É necessário mudar de caminho e recomeçar para encontrar a liberdade novamente”.

Portnoy conclui, “A liberdade [de uma gravadora independente] é indescritível. Toda banda deveria desfrutar dessa liberdade. É por isso que os primeiros anos de qualquer banda – o começo, no porão, sem qualquer contrato com gravadora – são mágicos!”

Victor Santos

Victor Santos

Editor-Chefe em Imprensa do Rock
Victor Santos é editor-chefe do Imprensa do Rock e Diretor Geral do Programa Unimetal. Desde 2011, vem trazendo conteúdo de qualidade para os amantes da música e do cinema.
Victor Santos