Crucified Barbara: show arrasador no final de feriado prolongado em SP

Domingo foi um dia memorável, mesmo com a casa pouco cheia no Carioca Club, em São Paulo. As meninas do CRUFICIED BARBARA fizeram um tremendo show para quem quis aproveitar o feriado de páscoa na capital paulista. Isso contando também com a presença das bandas HIBRIA e KIARA ROCKS aquecendo o público presente.

Comentando sobre o Hibria que teve sua apresentação iniciada pontualmente, foi excelente. A banda passeou por sua carreira ao apresentar músicas como as recentes “Silent Revenge” e “Lonely Fight” e a que para mim é como um hino, estou falando da belíssima: “Tiger Punch”. Primeira música que escutei dos caras de estúdio e que já foi “paixão a primeira audição”. O vocalista Iuri Sanson estava sempre presente comentando diversas coisas, sobre o show do Crucified Barbara que estava por vir, algumas notas sobre a banda e constantemente anunciando também as músicas e muito mais.

O Kiara Rocks fez uma boa apresentação, tendo em seu repertório músicas próprias e alguns covers, com direito até uma trilha sonora de “Steel Dragon” do clássico filme roqueiro “Rock Star”, a banda passeou por sua leve carreira, com um probleminha aqui e ali, mas sempre se saiu bem. Uma leva de discursos feito pelo vocalista e guitarrista Cadu Pelegrini a respeito da banda, parte do espetáculo. Poderíamos notar também os poucos fãs presentes curtindo o som próprio, e cada cover tocado. O quinteto está mostrando amadurecimento mesmo com todas as coisas que ocorreram nos últimos tempos.

Já o CRUCIFIED BARBARA: O que falar dessas belas garotas suecas? Formada por Mia Coldheart (vocal/guitarra), Karen Force (guitarra/backing-vocal), Ida Evileye (baixo/backing-vocal) e Nick Wicked (bateria/backing-vocal), as meninas fizeram um show destrutivo no Carioca Club. Mesmo com pouco público, quem estava lá presente admirando a performance da banda presenciou um espetáculo de grandeza. As várias tribos misturadas, até um ou outro que estava lá por estar, curtiram o som apresentado.

Os seus clássicos foram misturados com músicas recentes do último disco que está ainda para ser lançado. A performance de cada integrante ali em cima do palco era impagável. Cada movimento, cada balançada de cabeça, transferia uma boa dose de energia para o público que sem grade conseguia chegar a centímetros de distância dos seus ídolos que vieram lá da suécia fazer uma tour incansável pelo Brasil e com encerramento de show em São Paulo.

Além dos hits, “To Kill a Man” e “Sell my Kids For Rock ‘N’ Roll” entraram para a set-list. Essas músicas tem chance de entrar no novo disco da banda, quem sabe.. E o destaque também ficou por conta da bela balada intitulada com o nome de alguma garota perdida por esse gigantesco mundo “Jennyfer”. Largando a guitarra, e chegando bem pertinho do público ao sentar no palco mais próximo do Carioca Club, Mia fez escorrer lágrimas dos fãs presentes.

Foi um tremendo show curto, mas especial. Os poucos fãs que estiveram presentes puderam ter um gostinho do som sueco do Crucified Barbara, junto dos brasileiros do Hibria e Kiara Rocks. Cada um ali mostrou a sua performance em cima do palco, dando o melhor de si. E esperamos ter mais respostas positivas como essa muito em breve.

Texto por: Victor Santos
Agradecimento pela atenção e credenciamento: Free Pass – Entretenimento

Victor Santos

Victor Santos

Editor-Chefe em Imprensa do Rock
Victor Santos é editor-chefe do Imprensa do Rock e Diretor Geral do Programa Unimetal. Desde 2011, vem trazendo conteúdo de qualidade para os amantes da música e do cinema.
Victor Santos