Capa Preta Rock  Matuza Ferreira Assume a Voz da banda.

Capa Preta Rock  Matuza Ferreira Assume a Voz da banda.

Desde de o início do ano, Fevereiro pra ser mais Exato a Capa Preta Rock, vem ensaiando com seu novo vocalista Matuza Ferreira,  O convite partiu do Dani guitarrista da banda num encontro dos dois na noite Caxiense.

Rolou uma afinidade desde o primeiro Ensaio.

Já tivemos a oportunidade de nos apresentar ao vivo 4 ou 5 ocasiões em que tivemos uma boa receptividade da galera, e isso conta muito também.

Além de que a Capa Preta Rock sendo constante laboratório experimental acreditamos que o Matuza vem a multiplicar. Diz Tchaina Baixista da Banda.

 

Além das apresentações logo de cara apresentou uma composição autoral para a banda que dá muito valor a criatividade as composições autorais e logo de cara aprendeu as principais composições do grupo.

 

Acreditamos que ele conquistou seu espaço e está fazendo por merecer o posto de vocal e essa é uma opinião consensual de toda a banda.

 

Perguntamos ao atual vocalista da Capa Preta Como foi convite? E como está sendo A experiência? Bem o convite foi pelo dani. Já nos conhecíamos antes e sempre tivemos vontade de fazer algo juntos. Quando rolou um convite para fazer parte da banda, fiquei um pouco apreensivo, se estava preparado para esse desafio. Quando começamos a ensaiar e colocamos em prática, tudo acabou acontecendo naturalmente e fluiu muito bem musicalmente. E quanto às expectativas sobre o futuro?  “As expectativas para os próximos meses otimas, pois mes que vem entramos em estúdio para gravar nossos singles do próximo EP, que já apresentamos em alguns shows. Agora é trabalhar para que nosso som chegue aos ouvidos de todas as pessoas que gostam de boa música.

 

Facebook: https://www.facebook.com/capapretarock/

Site: http://capapretarock.uphero.com/

 

Nós da Rede

Anderson Severo

Agitador Cultural em Sub_Discos
Comecei a ouvir Rock N'Roll desde minhas primeiras lembranças conscientes, desde muito cedo. Isso deve ter sido lá por 1985. Começando de cara pela minha primeira lembrança Sonora e Estética é foi e sempre será Raul Seixa, claro que com o amadurecimento e expansão da consciência, as novas lembranças são Ramones, LED Zepellin, The Doors; Conheci também já pré adolescente AC/DC, Legião Urbana, Rolling Stones e Creedence.Ainda adolescente conheci pessoas atuantes na cena local, fui trabalhar como roadie de uma banda chamada orgasmo.
Até que quis montar minha própria banda.
No decorrer da caminhada passei por projetos como:
2000 - Resistência Aflita
2004 - Kaos Eminente
2006 - Estado Crítico
2014 - Insulto Verbal
2015 - Atualmente faço parte dos Projetos
Capa Preta e Exclusão Social.
Atuo promovendo eventos, lançando e distribuindo fonogramas, divulgando bandas eventos. Sou Adepto a filosofia Punk e ouço muito Hard Core, Cólera, Ratos de Porão entre outras.
Avatar
Nós da Rede

Últimos posts por Anderson Severo (exibir todos)

Avatar

Anderson Severo

Comecei a ouvir Rock N' Roll desde minhas primeiras lembranças conscientes, desde muito cedo. Isso deve ter sido lá por 1985. Começando de cara pela minha primeira lembrança Sonora e Estética é foi e sempre será Raul Seixa, claro que com o amadurecimento e expansão da consciência, as novas lembranças são Ramones, LED Zepellin, The Doors; Conheci também já pré adolescente AC/DC, Legião Urbana, Rolling Stones e Creedence. Ainda adolescente conheci pessoas atuantes na cena local, fui trabalhar como roadie de uma banda chamada orgasmo. Até que quis montar minha própria banda. No decorrer da caminhada passei por projetos como: 2000 - Resistência Aflita 2004 - Kaos Eminente 2006 - Estado Crítico 2014 - Insulto Verbal 2015 - Atualmente faço parte dos Projetos Capa Preta e Exclusão Social. Atuo promovendo eventos, lançando e distribuindo fonogramas, divulgando bandas eventos. Sou Adepto a filosofia Punk e ouço muito Hard Core, Cólera, Ratos de Porão entre outras.