10 bandas de Death Metal que você não conhece mas deveria

O termo Old School é comumente utilizado no cenário musical, em especial o Old School Death Metal, que é quase como um subgênero do estilo, termo que traz consigo associado toda uma estética visual e principalmente sonora. Guitarras rápidas e sujas, e uma gravação que soa como se tivesse sido feita com um gravador de fitas velho. 

Porém como tudo evolui, com o Death Metal não seria diferente, e com o tempo o gênero foi ficando cada vez mais “palatável” para os não iniciados em álbuns como Nihilist – Nihilist de 87, ou Entombed – Left Hand Path. Hoje o mainstream do Death Metal mudou, a sonoridade é outra, gravações mais limpas, mais virtuosas, e menos grotescas e repulsivas.

Nesse Top 10 você vai descobrir bandas para suprir a sua necessidade por um som repulsivo, que vai fazer escorrer sangue pelos seus ouvidos e te dar náuseas. 

Sejam bem vindos a coluna Black Tape

Por muitos anos o sinônimo de sonoridade suja era o tão famoso “Old School Swedish Death Metal” termo que ficou mundialmente conhecido, mas atualmente, a velha escola foi para outro continente, os EUA. Acompanhe a lista e prepare o estômago, você vai precisar.

10° Ritual Necromancy – Disinterred Horror

Formada em 2008 em Portland, Oregon, a banda lançou sua primeira demo em 2009, e desde então a banda lançou 2 fulls e 1 Ep, com uma consistência e principalmente uma identidade que com os passar dos anos vai ficando cada vez mais aperfeiçoada. O álbum que recomendo é o seu último lançamento até a data, o full Desinterred Horror.

9° Blood Incantation – Hidden History of the Human Race

Banda um pouco mais nova do que a anterior, formada em 2011, em Denver Colorado, o primeiro registro da banda é de 2013. Entre algumas demos, Ep’s e Split, e um álbum ao vivo, a banda já conta com 2 fulls, o primeiro “Starspawn” que já mostrava para o que a banda veio, e com o seu último lançamento, “Hidden History of Human Race”, já podemos afirmar que a banda é um novo bastião do gênero.

8° Hyperdontia – A Vessel Forlorn

Diferente das anteriores, Hyperdontia vem do velho continente, formada em 2015, em Copenhague, na Dinamarca, a banda ainda possui uma discografia curta, apenas um Ep e um Full e uma compilação, que contém uma faixa homônima ao álbum, e as restantes gravações ao vivo. Um grande destaque da discografia da banda são as linhas de guitarra, que são únicas.

7° Sanguisugabogg – Pornographic Seizures

Essa é um pouco mais misteriosa em relação a quando foi formada, porém pelo que tudo indica a banda pode ter sido formada em 2019, vinda das terras do tio Sam, de Ohio. A banda possui apenas 1 lançamento, a Demo “Pornographic Seizures”. Definitivamente uma demo que deixa no chinelo muitos álbuns das bandas grandes do cenário.

6° Ascended Dead – Abhorrent Manifestation

Formada em 2011 em San Diego, Califórnia, a banda tem em sua discografia um Full, uma Demo, um Ep e duas Compilações. A sonoridade da banda que desde o primeiro lançamento já era extremamente madura, e não é por menos, a banda conta com 2 membros que participam ao vivo, músicos de duas bandas novas e pouco conhecidas apenas o Blasphemy e o Incantation. Não é à toa a qualidade dessa banda.

5° Sedimentum – Demo

Mais uma não Americana, Sedimentum é do Canadá, de Quebec, formada em 2018, é mais uma dessa lista que possui apenas uma Demo lançada e um Split, e que mais uma vez, mostra a importância de acompanhar e descobrir bandas novas, a Demo mesmo sem nome destrói os lançamentos das bandas grandes do cenário.

4° Scorched – Ecliptic Butchery

Voltando a terra do tio Sam, Scorched é uma daquelas bandas que melhoraram, e muito, nos seus primeiros trabalhos, a banda não tinha se encontrado ainda, fazia um som um pouco genérico. Formada em 2015, a banda tem uma discografia até que longa, mas não muito relevante, com exceção para o seu último full “Ecliptic Butchery” onde a banda encontra sua sonoridade, e faz um álbum consistente e sólido do começo ao fim. A única decepção são as apresentações ao vivo, onde o vocalista não entrega o mesmo que ouvimos na versão de estúdio.

3° Tomb Mold – Planetary Clairvoyance

Formada em 2015, em Toronto, no Canadá, mais uma banda relativamente nova, e com uma discografia relativamente extensa, e muito consistente, a banda encontrou seu estilo e sua marca bem no início da carreira, e desde então vem mantendo um nível altíssimo em todos os seus lançamentos.

2° Mourned – Devoured Humanity

Sim uma Demo com apenas 2 músicas, não precisou de mais para pisotear a cabeça das grandes bandas que se venderam ao mainstream, e mostrar ao que vieram, possivelmente a banda foi formada em 2017, não se tem uma informação sobre isso, mas é a data do seu primeiro lançamento. Simplesmente única e surpreendentemente suja e agressiva.

1° Spectral Voice – Eroded Corridors of Unbeing

Com certeza o álbum de death metal que mais ouvi no ano, e possivelmente na vida, mais do que aqueles clássicos que nos apresentam o gênero. Formada em 2012 em Denver, Colorado, a banda tem uma longa discografia, composta por praticamente Demos e Splits, que culminaram no que com certeza é um dos melhores álbuns de Death Metal da década, um clássico instantâneo.

 

Espero que apreciem, fiquem atentos e preparados para as próximas listas.

Aron Rosa

 

Aron Rosa
Aron Rosa

Aron Rosa

Formado em Administração, trabalho como fotografo de eventos e concertos, além de videomaker também sou um amante da música extrema em sonoridade e temas.